Tel.: +55 11 5181.0222

Motocicletas: Aumento do IPI preserva a Indústria Nacional

Mais de 90% dos ciclomotores e motocicletas vendidos no Brasil são produzidos na Zona Franca de Manaus

Diante da publicação do Decreto 7741/12 na edição do Diário Oficial da União desta quinta-feira (31/05/12), que estabelece a alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para ciclomotores e motocicletas em 35%, com validade a partir de setembro próximo, a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – ABRACICLO considera que a medida tem o efeito de regular o mercado nacional.

A ABRACICLO esclarece, ainda, que mais de 90% das motocicletas comercializadas no mercado nacional são fabricadas no Polo Industrial de Manaus. A nova alíquota de IPI incidirá sobre os ciclomotores e motocicletas produzidos fora da Zona Franca de Manaus e nos importados em geral.

Sobre a ABRACICLO e o Setor de Duas Rodas
Com 35 anos de história e 11 associadas, a ABRACICLO - Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares - representa, no país, os interesses dos fabricantes de transporte em Duas Rodas, além de investir fortemente em ações que tenham por objetivo a busca pela paz no trânsito e pilotagem defensiva.

Representativa, a fabricação nacional de motocicletas - majoritariamente concentrada no Polo Industrial de Manaus (PIM) - está entre as cinco maiores do mundo. Já no segmento de bicicletas, o setor coloca o Brasil na terceira posição entre os principais produtores mundiais. No total, o Setor de Duas Rodas gera em suas indústrias mais de 20 mil empregos diretos.

MOTOCICLETA

BICICLETA

Frota Nacional: mais de 18 milhões

Frota Nacional: mais de 65 milhões

Produção anual: mais de 2 milhões de unidades

Produção anual: mais de 5 milhões de unidades

5º maior produtor mundial

3º maior produtor mundial

 

 

 

JoomShaper