Tel.: +55 11 5181.0222

Press Releases 2014

Vendas e produção de motos mantêm aceleração em fevereiro

No menor mês do ano, ações das montadoras e redes estimulam os licenciamentos para diminuir o impacto nas vendas esperado com a Copa

A produção de motocicletas em fevereiro cresceu 13,2% no comparativo com o mesmo mês do ano passado que, no entanto, teve dois dias úteis a menos em função do feriado de Carnaval, conforme dados divulgados pela ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares. Foram produzidas 139.673 motocicletas, ante 123.371 unidades do mesmo mês de 2013. Já em relação a janeiro (145.302 motocicletas), a produção recuou 3,9% devido ao menor número de dias do mês.

Trimestre positivo para o segmento de motocicletas

Apesar do desempenho favorável, Abraciclo prevê estabilidade ao longo do ano

Dados divulgados pela Abraciclo, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, mostram que as montadoras de motos instaladas no Brasil tiveram um primeiro trimestre melhor do que em 2013. As vendas no varejo alcançaram 365.306 unidades, 3,7% superior ao volume obtido no mesmo período do ano passado. Já a produção passou de 383.199 unidades para 408.665, aumento de 6,6%. A média diária também foi melhor nos meses de janeiro até março, 5.989 unidades contra 5.869.

Vendas de motos caem na primeira quinzena de maio

Foram comercializadas 6.089 unidades por dia útil, correspondendo a um recuo de 5,4% ante a média diária da primeira metade de maio de 2013 Levantamento da ABRACICLO, Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, realizado com base nos licenciamentos registrados pelo Renavam (Denatran), mostra que a média diária de vendas dos primeiros quinze dias do mês caiu 5,4%, em comparação com o mesmo período de 2013, passando de 6.438 para 6.089 motocicletas. Em relação à primeira quinzena de abril (6.311 unidades), as vendas recuaram 3,5%. As vendas totais da quinzena no varejo chegaram a 60.890 unidades, ante 77.259 unidades no mesmo período do ano anterior, representando uma queda de 21%. Na comparação com a primeira metade de abril (69.426 unidades) houve retração de 12%.

JoomShaper