Tel.: +55 11 5181.0222

Clipping

Editorial Cyclomagazine

Recentemente, a Abraciclo, entidade representativa das empresas montadoras de bicicletas com plantas na Zona Franca de Manaus (AM), anunciou bom desempenho de vendas no primeiro semestre do ano vigente.

FONTE: Cyclomagazine - SP

DATA: 01/09/2018

Bicicleta é um dos principais meios de transporte no Brasil

FONTE: TV BRASIL

DATA: 05/10/2018

Lei de criação do Programa Bicicleta Brasil é sancionada

Foi publicada nesta sexta-feira (5) no Diário Oficial da União a Lei 13.724/18, que institui o Programa Bicicleta Brasil (PBB) com o objetivo de incentivar novas alternativas de mobilidade. A Presidência da República, no entanto, vetou a destinação de 15% do valor arrecadado com multas de trânsito ao programa.

O programa propõe a construção de Ciclovias, Ciclofaixas e faixas compartilhadas; a implantação de aluguéis de Bicicletas a baixo custo em terminais de transporte coletivo, centros comerciais e locais de grande fluxo; a construção de bicicletários nos terminais de transporte; a instalação de paraciclos ao longo das vias e estacionamentos apropriados; e a realização de campanhas de incentivo ao uso da Bicicleta.

Comerciantes comemoram aumento nas vendas de bicicletas em Três Rios, RJ

FONTE: RJTV 1ª Edição - TV Rio Sul - RJ

DATA: 02/10/2018

Especialista vê migração de carro e metrô para Bicicleta elétrica

As Bicicletas elétricas, que têm sido cada vez mais vistas nas ruas de São Paulo, são consideradas por especialistas em mobilidade urbana como o modal com mais capacidade de atrair o usuário do carro.

"Tem mais atratividade que o metrô, o transporte público por excelência, pois proporciona uma comodidade semelhante ao do automóvel particular. Essa migração traz um fato que começa a despertar atenção. São ciclistas iniciantes, que pedalavam pouco ou quase nada, se movimentavam com o carro. Essa é a maioria dos usuários de bike elétrica", comenta o cicloativista e blogueiro do Estadão Alex Gomes.

MotoCheck-Up de Belo Horizonte realiza pesquisa com 2 mil motociclistas

Durante a 23ª edição do MotoCheck-Up, realizada em Belo Horizonte (MG), que rolou entre os dias 19 e 21 de setembro, foi realizada uma pesquisa sobre o perfil do motociclista mineiro. Ficou constatado alguns dados interessantes, como: 89,2% dos condutores de motocicletas usam o veículo para ir e voltar do trabalho e, destes, 38,5% trabalham como motofretistas. Além disso, 52,3% pilotam a motocicleta de 2 a 4 horas por dia, 24,4% de 5 a 8 horas e 23,3% por mais de 8 horas.

Produção de bicicletas aumentou mais de 30% em agosto, segundo dados da ABRACICLO

FONTE: CNT News - Rede CNT - BR

DATA: 28/09/2018

MotoCheck-Up mostra quem é o motociclista em BH

Dos motociclistas que circulam pelas ruas de Belo Horizonte (MG), 89,2% usam o veículo para ir e voltar do trabalho e, destes, 38,5% trabalham como motofretistas. Além disso, 52,3% pilotam a motocicleta de 2 a 4 horas por dia, 24,4% de 5 a 8 horas e 23,3% por mais de 8 horas. Estes dados foram revelados pela pesquisa realizada durante a 23º edição do MotoCheck-Up, o maior programa setorial de orientação e conscientização de motociclistas da América Latina, que aconteceu pela primeira vez na capital mineira entre os dias 19 e 21 de setembro.

Programa Bicicleta Brasil pode beneficiar economia, saúde e meio ambiente

O presidente da República tem até o dia 5 de outubro para sancionar ou vetar o Programa Bicicleta Brasil (PBB), aprovado recentemente pelo Senado. O objetivo do programa (PLC 83/2017) é aumentar os investimentos no setor.

A proposta visa aumentar a construção de ciclovias, ciclofaixas e faixas compartilhadas; a implantação de aluguéis de bicicletas a baixo custo em terminais de transporte coletivo, centros comerciais e locais de grande fluxo; a construção de bicicletários nos terminais de transporte; a instalação de paraciclos ao longo das vias e estacionamentos apropriados; e a realização de campanhas de incentivo ao uso da bicicleta.

Demanda por bicicleta explode com estímulo

Incentivo às novas opções de mobilidade e busca por transportes menos poluentes ajudam a elevar a produção em Manaus e projeção de crescimento é revisada

O mercado de bicicletas continua crescendo, apesar dos impactos da oscilação cambial. Para fabricantes, maior incentivo à mobilidade, melhora de qualidade do produto nacional e fidelidade do consumidor são algumas das razões para os bons resultados.

JoomShaper